Nilton

"Sou cabeleireiro. Não que eu tenha preconceito, mas a sociedade já impõe. A pessoa associa a profissão com a opção sexual"
33 anos
Largo da Concórdia, São Paulo, SP

Postado dia 12 de dezembro de 2014
Comente (0)