estranhos

Adriana Negreiros, jornalista, e Daniel Motta, diretor de arte, se conheceram na redação da revista Playboy, em 2008, e logo descobriram que tinham algo em comum: o amor pela rua.

Adriana sempre teve especial apreço pelas entrevistas – de ministros de Estado a jogadores de futebol, passando por cantores, escritores e atores, ouvir histórias de vida é o seu grande barato como jornalista.

Daniel tem fascínio por relatos de gente comum. De 2010 a 2012, espalhou urnas por diferentes pontos de São Paulo com a frase Me Dê um Conselho. A intervenção urbana transformou-se no livro homônimo, sucesso de crítica, lançado em 2012 pela Editora Braba.